RSS

quinta-feira, 31 de março de 2011

Rifa - espada de são jorge

Hoje convidei meus amigos do Face e do Orkut a participarem do sorteio de uma rifa que estou fazendo “de grátis”. O presente é uma planta e a espécie é a espada-de-são-jorge. Minhas exigências: cuidar bem da planta e morar perto de algum metro em Sampa (para que eu possa fazer a entrega).

quarta-feira, 23 de março de 2011

Outono em São Paulo









Já chegamos no outono. Mês das folhas secas e amarelas. Os dias ficam um pouco mais frio. Chuvas constantes. Pessoas um pouco mais irritantes. kkk
Nessa época do ano já estamos acelerados, a pouco mais de 200 por hora.
Saudades um pouco do passado, mas, não podemos regredir. Temos que caminhar e seguir em frente.
Como diz a música da Ana Carolina: ♫♫ Nas ruas de outono, os meus passos vão ficar. E todo abandono que eu sentia vai passar. As folhas pelo chão que um dia o vento vai levar. Meus olhos só verão que tudo poderá mudar...♫♫
Ei!! Você!!! Pare de cantar!!! Estamos falando do outono.
Para quem pensa que só temos flores e belas paisagens só na primavera, está com pensamento errado. No outono temos espécies que também florescem, como, a sálvia, capim-dos-pampas, gazânia, hortênsia, ixora, jasmim-dos-poetas, manacá-da-serra e azaleia.
Com tudo isso, então, vamos aproveitar para curtir a estação. Brotando, sorrindo, amando e conquistando.
Vou correndo na locadora e assistir pela milésima vez a linda estória do filme: Outono em Nova York.
Tenham um ótimo outono e lembre-se nada dura para sempre, portanto, curta cada momento.
Obs: nesse pequeno texto escrevi 6 vezes a palavra outono. kk

quarta-feira, 16 de março de 2011

3º módulo paisagismo

Desde 21/02/2011 minha vida é trabalho e escola.
Confesso que meu retorno no curso de paisagismo não foi lá aquelas coisas. Falta de concentração e cansaço físico foi a minha grande dificuldade.
Ainda estamos no verão e nesse mês de março, exatamente no dia 20, a estação mudará para o Outono (mês das folhas secas).
A passagem do Verão na minha vida não foi muito legal. Conheci uma cidade linda (1X0 pra mim). Perdi uma pessoa na qual não esperava perder tão cedo (1X0 para o destino). Mas é isso, a vida continua. Temos que caminhar sempre para chegar na próxima estação.
Mudando de assunto. Nesse semestre (3º módulo) terei aulas de Materiais para Piso (já concluído com a Profª Cris Ramos); Irrigação e Drenagem (já concluído com a Profº Giovanni Neto); Espelhos D’água (Profº Ishibashi uma figurassa); Arborização Viária; Iluminação de jardins: Pomares e Hortas; Jardins Internos; Mobiliários para jardins; e Atividades de Trabalho. Assuntos interessantes que irei aprender e quero me dedicar ao máximo para aumentar o meu conhecimento.
Estou me programando pra fazer algumas viagens e visitas técnicas com o pessoal do curso. Afinal temos que correr atrás de 200 horas de estágio.
E com diz a música: andar com fé eu vou que a fé não costuma falhar.
Fuiiiiii

Os 5 ninhos de aves bem elaborados



Beija-flor-eupetomena_macrouraConstruido com grama, gravetos, folhas, pételas e até teia de aranha, o ninho do Beija-Flor é minúsculo mas confortável e muito resistente. Crédito: Haroldo Palo Jr.



Jaburu-jabiru_mycteriaAo contrário do Beija-flor o ninho do Jaburu é enorme e é feito principalmente de ramos entrelaçados. Crédito: Haroldo Palo Jr.



Joao-de-barro-furnarius_rufusUm dos ninhos mais famosos é o do João-de-Barro. Seu ninho em forma de forno e feito de barro é inconfundível. Crédito: Haroldo Palo Jr.



Joao-de-pau-phacellodomus_rufifronsParente do joão-de-barro, o joão-de-pau faz ninhos muito elaborados com... Paus! Crédito: Haroldo Palo Jr.



Pica-pau-branco-melanerpes_candidusEscavado diretamente na árvore, o ninho do pica-pau-branco é difícil de se fazer, mas é um dos mais seguros e resistentes. Crédito: Haroldo Palo Jr.

terça-feira, 8 de março de 2011

Sistema de irrigação automatizado para Paisagismo

Sistema de irrigação automatizado para paisagismo, vem de encontro à necessidade dos profissionais que projetam, implantam e cuidam de áreas verdes e jardins em geral. Conseguirem analisar um projeto de irrigação e saberem se o mesmo está de acordo com o paisagismo proposto e se os equipamentos estão dentro das especificações e normas existentes. (Eng. Giovanni P. Neto).

A irrigação automática para áreas paisagisticas e gramados em geral, tem como principal meta, aplicar os recursos hídricos, com coerência e respeito ao planeta, além de proporcionar uma economia de mão-de-obra, de manutenção e preservação dos jardins.
Veja abaixo áreas de aplicação dos sistemas de irrigação automáticas:
- Residenciais: jardins de qualquer tamanho em casas e edifícios; jardineiras de apartamentos; vasos em varandas; jardins de inverno; etc...
- Produção e preservação de plantas: estufas; orquidários; lojas de plantas; etc...
- Obras públicas: jardins de avenidas; praças; parques; etc...
- Obras industriais: jardins; arrefecimento de telhados e coberturas metálicas;
- Obras esportivas: campos de futebol; campos de golf; quadra de tênis; etc...



Obs: não podemos misturar sistemas de irrigação por causa da vazão, pressão e tempo.

Texto extraído e revisado curso IBRAP

Juh Souzza